no ,

O que nós realmente aprendemos no período de isolamento social?

O período de isolamento social por conta da Covid-19 exigiu de todos nós práticas nunca antes vistas por essa geração.

A necessidade de estar em casa, de ficar longe dos amigos e da família e de começar a trabalhar em casa são os maiores exemplos.

Essa foi a realidade encontrada por muitos de nós e nos trouxe inúmeros desafios mas também vários aprendizados e uma nova visão sobre diversos aspectos de nossas vidas. 

Olhar de forma mais cuidadosa para nossa casa

Muitos de nós passamos a valorizar mais o ambiente de casa, que antes não tínhamos tanto tempo para aproveitar.

Percebemos que a casa tem uma vida própria e que olhar para ela com mais carinho é essencial. Mudar ou substituir decorações e móveis dentro de casa não foi novidade nesse período de isolamento pelo qual estamos passando.

A necessidade de nos ver refletidos na decoração das nossas casas e a vontade de trazer vida para dentro delas seja através de plantas ou até mesmo de um animal de estimação, se tornou uma tendência. 

Saúde do corpo e da mente

Outra questão que foi muito notada neste período é a importância do equilíbrio entre a saúde do corpo e da mente.

Se um não está bem por consequência o outro tende a não estar.

Muitas pessoas passaram a buscar esse equilíbrio através de uma alimentação mais saudável, da prática de exercícios físicos, mantendo um contato mais regular de maneira virtual com amigos e familiares, e também buscando ajuda psicológica.

A importância dos vínculos afetivos 

Passar por um período de maior restrição para encontrar com os amigos e família, com toda certeza ajudou muitos de nós a enxergar a importância de nossos vínculos afetivos.

Ao longo de nossa rotina de vida nós acabamos por não perceber a diferença que o menor dos vínculos faz. Receber um bom dia de alguém desconhecido, conversar com colegas de trabalho, nos encontrar com os amigos e com a família.

Por isso, passamos a valorizar coisas com as quais não estávamos acostumados e que passamos a ter com menor frequência e

Valorização das artes

Muitos de nós percebemos, ou devíamos ter percebido, como a arte nos fez companhia e nos acolheu durante esse período de isolamento.

Através dos filmes que assistimos nas horas livres, dos livros que lemos e das musicas que escutamos para preencher o silêncio e nos servir de companhia.

As peças de teatro e shows online que nos mantem entretidos e com a sensação de que algo novo estava acontecendo.

Ou seja, a arte, com toda a sua delicadeza e sutileza, faz parte do nosso dia a dia normalmente.

Mas, agora ela é muito mais presente do que antes.

Este texto foi meramente um exemplo de coisas que você pode ter aprendido.

Ou que você nem notou que aprendeu e ainda te impulsionou a notar coisas que foram aprendidas.

Então, o mais importante aqui é mover o sentimento de aprendizado e fazer você notar que esse movimento aconteceu na sua vida, mesmo que sutil. 

O que você acha?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

I.A reimagina personagens famosos

Cinema Brasileiro

Cinema Brasileiro: 5 filmes para conhecer