no

Fadiga do Zoom: 4 efeitos negativos

Fadiga do Zoom
Fadiga do Zoom

Desde que a pandemia começou, uma grande quantidade de reuniões online estão acontecendo. Por isso, algumas pessoas passaram a ter fadiga do Zoom. Um estudo mostrou 4 efeitos negativos e como podemos reduzi-los.

O estudo foi feito por pesquisadores de Stanford. Eles estudaram as consequências das horas passadas em reuniões online. O responsável pelo estudo foi o Dr. Jeremy Bailenson. Ele é diretor do Laboratório de Interação Virtual e disse:

“A videoconferência é uma coisa boa para a comunicação remota, mas pense apenas no meio – só porque você pode usar o vídeo, não significa que você precisa.”

Mas quais são os problemas que causam a fadiga do zoom e como evitá-los?

Excesso de contato visual

Todo mundo que está presente em uma reunião virtual fica exposto na tela. Por isso, nós temos um campo de visão vasto. Ou seja, podemos fazer contato visual com várias pessoas ao mesmo tempo. Para nós isso não é natural. 

Leia também: Zoom – 5 reuniões interrompidas de forma constrangedora

Geralmente, nós só mantemos contato visual com o falante. Por isso,as pessoas podem acabar sentindo ansiedade e, consequentemente, a fadiga do Zoom. 

Portanto, o ideal é que você:

  • Tire o zoom do modo de tela inteira;
  • Reduza o tamanho da janela em relação ao seu monitor para minimizar o tamanho do rosto;
  • Use um teclado externo para permitir um aumento no espaço pessoal entre você e a tela.

Ver a sua imagem o tempo todo

Nós não nos vemos o tempo todo. Às vezes você passa por um espelho e vê sua imagem refletida. Mas se você tiver um dia recheado de reuniões virtuais, vai se deparar com a sua face o tempo todo. 

Isso pode se tornar bastante incômodo. Especialmente se chegar em um ponto no qual você se torna constantemente preocupado com a sua aparência, sem relaxar. 

Por isso, recomenda-se que você oculte a auto visualização. Ou pelo menos deixe sua imagem pequena para você. 

Redução da mobilidade

Durante reuniões presenciais você pode se mover. Pode andar se quiser. Mas ninguém faz isso em uma conferência online. Aliás, nós ficamos na frente do computador, praticamente sem se movimentar para não sair do enquadramento. 

Isso pode deixar a nossa função cerebral mais lenta, pois nós dependemos da movimentação. Além disso, pode causar muitas dores físicas. 

Portanto, o estudo recomenda que você:

  • Pense mais sobre o ambiente em que você está. Não fique muito perto da tela e sente-se em um local confortável;
  • Caminhe e se alongue durante a reunião. Comporte-se como se fosse algo presencial;
  • Converse com os colaboradores e estabeleça horários para desligar o vídeo. Por exemplo, a cada 30 minutos de reunião, todas as câmeras são desativadas por 5 minutos. 

Carga cognitiva excessiva

Nós nos comunicamos por palavras. Mas também nos comunicamos por gestos e outras formas de linguagem corporal. Entretanto, é mais difícil entender esse tipo de sinal em uma chamada de vídeo. 

Ou seja, nosso cérebro precisa se esforçar para que nós possamos nos comunicar dessa forma. Tanto para passar, quanto para receber a mensagem.

Esse é outro motivo que torna essencial para evitar a fadiga do zoom as pausas na câmera. Às vezes, conversar apenas por áudio é muito mais saudável. 

Fonte

O que você acha?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

5 benefícios que cantar nos traz

Dicas simples para deixar sua casa mais charmosa