Followers

Estas criaturas feitas de feltro são tão fofas que dá vontade de colecionar

Natasya Shuljak era artista de teatro e professora de arte, amava incondicionalmente seu trabalho e jamais se imaginava fazendo outra coisa.

Mas o destino gosta mesmo de brincadeiras, e um belo dia, pouco antes do ano novo ela recebeu um presente inesperado de seus amigos. Um simples pacote de lã estava prestes a mudar sua história.

“Fiz um urso e um coelho com ele. Imediatamente me apaixonei por feltro, pela sua flexibilidade e pelas infinitas possibilidades que você pode obter com ele.”

De lá pra cá já são mais de dez anos compartilhando suas criações com o mundo!

A artista de Moscou cresceu em meio à natureza, curtindo e conhecendo o mundo natural ao seu redor.

Talvez seja por conta disso que todas suas criações parecem ter uma ligação extremamente forte com a natureza.

“Não é uma tentativa barata de estar na moda. Vivo na natureza há muito tempo. Passei minha infância em uma pequena cidade perto do mar, e meus pais e eu costumávamos ir muito às florestas. ”

Hoje em dia ela é especializada em criar esculturas em miniatura feitas de feltro.

São pequenos animais e outras criaturas fofas, e sua rica infância é realmente visível nas obras.

Plantas brotam das cabeças dos espíritos naturais e os animais parecem estar saindo de um verdadeiro conto de fadas.

Se antes ela já amava arte em outras maneiras, hoje ela é conhecida como especialista na sua área e encanta milhares de pessoas na Internet.

As pessoas e seus clientes parecem não se cansar de suas criações, e é fácil entender o porquê.

É impossível não sorrir quando você os encontra.

Ela inclusive chama seus trabalhos de: “Sorrisos temporários despreocupados”.

Suas criações são minimalistas, e a artista retira todos os detalhes desnecessários.

Shuljak não quer exibir suas criaturas em uma galeria. Ou até considerá-los como arte. “Eles são apenas pequenos pedaços de alegria”, disse ela.

Atualmente, Nastasya vive em Moscou, Rússia. E quando ela não está ocupada vendendo seus brinquedos no Instagram, a artista também dá aulas sobre como criá-los.

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade. Você será banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.