no

Corpus Christi: conheça o significado dessa data

Corpus Christi
Corpus Christi

O que se celebra no dia de Corpus Christi?

O Corpus Christi é um feriado religioso. Mais precisamente, católico. A palavra Corpus Christi é de origem latina. Ela significa “Corpo de Cristo”. Entretanto, esse feriado não está relacionado a nenhuma passagem bíblica. 

No dia de Corpus Christi celebra-se o rito mais importante da igreja católica, a comunhão. Ou seja, essa celebração é uma homenagem ao corpo de Cristo. Para os católicos, o corpo de Jesus é a Hóstia Consagrada, afinal na Última Ceia Jesus partiu o pão, consagrou-o e disse “Este é o meu corpo”. 

No Brasil, a festa é marcada pela produção de tapetes de rua. Esses tapetes são divididos em várias figuras que representam símbolos católicos e passagens da Bíblia. Para a sua confecção usa-se diversos produtos como serragem e borra de café. 

Por que o feriado é sempre na quinta?

O dia de Corpus Christi é calculado sempre com base na Páscoa. A comemoração precisa acontecer 60 dias depois da data na qual se celebra a ressurreição de Cristo. Mas deve ser obrigatoriamente na quinta feira, pois esse é o dia em que Jesus realizou a última ceia. 

Como o Corpus Christi refere-se à partilha do pão, então a festa realiza-se no mesmo dia da semana. 

Qual a origem do Corpus Christi?

Como eu disse, essa não é uma celebração pautada em algo que está descrito na Bíblia. Então, como será que a data se tornou uma tradição?

Tudo começa com uma freira chamada Juliana de Mont Cornillon. Essa freira tinha visões e as relatava constantemente para suas colegas e superiores. Além disso, ela conversou com padres e bispos sobre o assunto que era sempre o mesmo: em suas visões ela recebia uma mensagem divina que dizia ser necessário criar uma festa para celebrar a Eucaristia. 

A pessoa que mais deu atenção ao relato de Juliana foi o arcediago Jacques Pantaleon. Esse homem se tornou o Papa Urbano IV. Ele ainda não tinha planos para instituir a festa, mas então um milagre aconteceu e os processos se tornaram mais rápidos. 

Em 1264, um padre chamado Pedro de Praga foi até Roma se encontrar com o Papa Urbano IV. Depois disso, ele se dirigiu para a cidade de Boêmia, onde celebrou uma missa e, como sempre, consagrou a hóstia. Entretanto, durante o sacramento o padre viu sangue jorrar da Hóstia. 

O Papa soube desse milagre. Por isso, decidiu que já era momento de criar a festa.

Fontes 12

O que você acha?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Músicas tristes da MPB para você curtir

A importância de se manter hidratado