no

4 Fatos históricos que foram mal contados

A história nos traz fatos do passado que nos ajudam a compreender nosso presente.

Mas, existem alguns desses fatos que acreditamos sem questionar, e que não aconteceram bem assim.

Nesta lista vamos apresentar 4 fatos históricos que foram mal contados e vão te surpreender. 

A maçã de Newton

Com toda certeza, ao ser ensinado sobre a Lei da Gravitação Universal, você deve ter ouvido que Isaac Newton estava descansando debaixo de uma árvore quando uma maçã caiu na sua cabeça.

Isso teria feito ele compreender instantaneamente que o que fazia a maçã cair era a atração da terra sobre os corpos ao seu redor.

Bom, acontece que não foi bem assim. A hipótese mais próxima dessa história é que Isaac Newton tenha contado ela aos seus alunos para explicar de uma forma mais didática a teoria que ele formulou após muitos cálculos e estudos. 

Colombo e a América 

Todas as histórias de descobertas de continentes, ou até mesmo da descoberta do Brasil, são muito complicadas.

Isso porque é muito difícil ter a precisão de quem chegou primeiro. A única forma de sabermos é através dos muitos estudos históricos que acontecem ao redor do mundo.

Em um estudo de mapas na China, descobriu-se que a América não foi descoberta por Cristóvão Colombo, mas sim por chineses.

E não foi só isso, um mapa-múndi de 1418 encontrado na China já mostrava todos os continentes em seu devido lugar.

Independência ou morte

A Independência do Brasil, que teria sido proclamada no dia 7 de setembro, também é um dos fatos que não aconteceu bem assim.

Além de não ter sido um grande evento às margens do rio Ipiranga, como se conta, a independência também não foi proclamada no dia 7 de setembro.

A Independência do Brasil na verdade aconteceu oficialmente no dia 29 de agosto de 1825. 

As feministas não queimaram sutiã

Esse fato histórico, que é um símbolo da luta por igualdades de direitos, na verdade não aconteceu bem assim.

Isso porque, ao protestarem contra o concurso de beleza Miss América, cerca de 400 mulheres jogaram no lixo sapatos, revistas femininas, maquiagens e sutiãs, mas ao tentarem atear fogo foram impedidas.

Mesmo sem a queima dos sutiãs, a jornalista Lindsay van Gelder escreveu uma matéria com o título “As queimadoras de sutiã e o Miss América”.

O tempo passou, a matéria foi esquecida e os sutiãs queimados viram parte da história e símbolo de luta e resistência.

O que você acha?

Comentários

Deixe uma Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Conheça o carteiro amigo dos animais

Artista redenha personagens em estilos diferentes