no

13 sintomas físicos que a ansiedade pode causar

Se você deseja rastrear sua ansiedade, o corpo pode ser o segredo. Descubra como e quais sintomas físicos a ansiedade pode causar!

Mas primeiro, precisamos definir um pouco melhor para os privilegiados que não experimentaram a ansiedade.

Para isso, vamos voltar no tempo 50.000 anos ou mais. Imagine que você é um Neandertal dando um passeio pelos campos. De repente, nos arbustos próximos, você ouve um tigre. 

Em um nano segundo, todo o seu corpo começa a reagir. Seu pulso acelera, sua respiração fica superficial, seus olhos dilatam, seu corpo começa a produzir adrenalina.

Tudo que está acontecendo em seu corpo é bom; você está preparado para sobreviver a este encontro tigre. 

Só há um pequeno problema. Não era um tigre. Era uma pequena doninha pré-histórica. 

Agora seu corpo está preparado para lutar ou fugir , seu coração está acelerado, você está totalmente cheio de adrenalina … mas não há perigo.

Este é o seu corpo na ansiedade. Substitua o (inexistente) tigre nos arbustos por mídia social, trânsito, política, Covid-19, dinheiro, creche, mudança climática, estresse no trabalho, drama familiar e você verá rapidamente por que a ansiedade é a doença mental mais comum na América, afetando quase 20% da população. 

Os humanos modernos são basicamente um bando de Neandertais enlouquecidos em modo de luta ou fuga 24 horas por dia, 7 dias por semana.

O que deixa o assunto ainda mais difícil é que cada pessoa experimenta a ansiedade de maneira diferente. 

Um indivíduo pode sentir todos ou nenhum dos sintomas que vamos descrever aqui ou até mesmo a combinação de alguns. 

E também podem haver mais sintomas físicos exclusivos que podem não estar listados aqui.

1. DOR NO PEITO E PALPITAÇÕES CARDÍACAS

Dá até pra pensar que está tendo um ataque cardíaco- mas não é.

Quando você se sente ansioso ou está tendo um ataque de pânico total, o coração bate mais rápido para bombear mais sangue pelo corpo e se preparar para lutar ou fugir.

Essa ação pode causar hiperventilação, o que leva à inalação de muito oxigênio. Isso, por sua vez, causa uma contração dos vasos sanguíneos que pode causar dor no peito.

A dor no peito causada pela ansiedade é frequentemente sentida em diferentes áreas do peito e vai e vem.

Também é importante observar que uma descarga de adrenalina não prejudica o coração.

Mas não há necessidade de se sentir bobo se você já pensou que estava tendo um ataque cardíaco. 

Nota: Sempre que houver dor no peito, é sempre uma boa idéia visitar o médico uma vez para descartar quaisquer outras doenças cardíacas.

2. FALTA DE AR

O mesmo se aplica (explicado acima) quanto ao motivo pelo qual sentimos falta de ar ou pressão no peito durante os períodos de ansiedade.

Também estamos hiperconscientes de nossa respiração, o que pode nos fazer ‘respirar em excesso’ e absorver mais oxigênio.

3. DOR NOS MEMBROS E MÚSCULOS

A ansiedade pode afetar os membros de várias maneiras. 

Em primeiro lugar, semelhante às dores no peito, um aumento da ingestão de oxigênio pode causar sensações e dores nos músculos. 

Outras possíveis causas podem ser:

Tensão nos músculos: o estresse diário pode endurecer os músculos, causando dor ou dor.
Sua postura: Sentir-se ansioso pode afetar a maneira como você se mantém, senta, deita e anda, o que, por sua vez, pode alterar a maneira como seus músculos se sentem. 

Isso ocorre porque todo o seu corpo está tenso, você pode se mover mais rápido ou mais devagar e raramente relaxar completamente.

Os motivos acima também podem causar dores na mandíbula e no rosto.

4. PELE FORMIGANDO E DORMÊNCIA / SENSAÇÃO DE FRAQUEZA

ansiedade pode causar fraqueza
Imagem: Reprodução/ Unsplash

É comum que a ansiedade cause sensações de dormência e formigamento. Isso pode ocorrer em quase qualquer parte do corpo, mas é mais comumente sentido no rosto, mãos, braços, pés e pernas.

Isso é causado pelo sangue correndo para as partes mais importantes do corpo que podem ajudar na luta ou na fuga. 

Isso, portanto, deixa as áreas menos importantes com uma sensação de fraqueza, entorpecimento ou formigamento.

Também pode ser causada por hiperventilação e aumento da ingestão de oxigênio, que é particularmente sentida nas extremidades e no rosto.

5. TEMPERATURA: CALOR, SUOR, TREMORES

O estado de excitação causado por uma descarga de adrenalina também leva ao aumento da temperatura. 

Seu corpo reage tentando esfriar você – é por isso que você transpira.

E acredite se quiser, esse suor, por sua vez, pode fazer você sentir frio. 

Especialmente após um ataque de pânico, quando seu corpo começa a esfriar, mas ainda transpira para evitar o superaquecimento, é comum sentir frio e calafrios.

6. TONTURA

Durante um período de aumento da adrenalina e pânico, o coração bate com mais força, o que está associado ao aumento da pressão arterial. 

É esse aumento da pressão arterial que nos faz sentir tonturas.

7. DORES DE CABEÇA

Ataques de ansiedade e pânico comumente causam dores de cabeça tensionais devido ao aumento do estresse. 

Eles podem ocorrer em diferentes áreas da cabeça e em vários níveis de intensidade.

8. PROBLEMAS DE SONO

O aumento do estresse e da tensão pode dificultar o sono – assim como a preocupação contínua. 

A melhor coisa a fazer aqui é tentar uma técnica de atenção plena ou meditação para ajudar sua mente e corpo a cair no sono.

Por outro lado, um ataque de pânico e períodos prolongados de ansiedade podem fazer com que você se sinta exausto física e emocionalmente. Você deve ouvir seu corpo e descansar, neste caso.

9. REAÇÕES NO ESTÔMAGO

Durante a luta ou fuga, o sangue é desviado de áreas do corpo onde não é necessário – por exemplo, o estômago. 

É por isso que frequentemente experimentamos uma sensação de reviravolta no estômago ou uma sensação de ‘frio na barriga’ quando estamos ansiosos.

Também é muito comum precisar urgentemente do banheiro quando você está em pânico. 

Essa é a maneira que o corpo usa para tentar se livrar de qualquer peso indesejado que poderia desacelerá-lo durante a luta ou a fuga.

10. SENSAÇÕES AUDITIVAS

Quando você se sente ansioso e sua mente está a 100 mph, pode ser difícil se concentrar nos sons ao seu redor. 

Por outro lado, quando você está hiper-alerta para o perigo potencial (mesmo que não existente) ao seu redor, você pode ser extremamente sensível a sons que, de outra forma, ignoraria.

11. VISÃO TURVA

Sintomas físicos que a ansiedade pode causar
Imagem: Reprodução/ Unsplash

É comum sentir visão turva durante um pico de adrenalina. Isso ocorre porque as pupilas se dilatam para permitir que mais luz entre em nossa visão, de modo que estejamos mais bem preparados para lutar ou fugir. 

Mais luz, entretanto, às vezes também pode causar visão turva. Também pode ser causado por hiperventilação.

12. MANCHAS E ACNE

Existem várias razões pelas quais a ansiedade e o estresse podem causar erupções de acne adulta, são elas:

  • Aumento da produção do hormônio do estresse, que pode aumentar a quantidade de óleo que sua pele produz.
  • Aumento da transpiração, que pode obstruir os poros.
  • Tocando mais sua pele, incluindo seu rosto, pescoço e ombros, enquanto você se sente inquieto e nervoso. Isso transfere a sujeira de suas mãos para a pele e o torna mais propenso a erupções cutâneas.

13. PENSAMENTOS INÚTEIS

É comum temer o pior cenário quando você está em um estado de ansiedade que, para alguns, é o medo de estarem enlouquecendo completamente. 

Se a ansiedade é um sentimento novo ou um primeiro pânico, as sensações desconhecidas podem fazer com que o cérebro pense demais e se preocupe com a causa.

Mas e aí, quais destes sintomas físicos você sabia que eram causados pela ansiedade?

Nota importante: embora a ansiedade seja comum, não é algo que deva ser vivido ou tolerado se estiver se tornando desagradável ou mudando seu estilo de vida. Procure ajuda!

O que você acha?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0
prevenção ao suicídio

Dia de prevenção ao suicídio: o que fazer para ajudar?

Dia ruim

Dia ruim: essas pessoas tiveram momentos bem complicados