no

10 curiosidades que você não sabia sobre o natal

Traditional Santa Claus sitting at his chair and reading a letter with fireplace and Christmas Tree in the background

É comum que em todos os anos com a chegada desta época festiva que é o natal, algumas perguntas nos vêm à mente.

Pensando nisso, trouxemos algumas curiosidades natalinas que você provavelmente não sabia:

1-Árvore de Natal- que nem eram árvores no início!

Existem relatos de que a primeira árvore de natal surgiu na Letônia, no leste europeu, por volta de 1500. Elas eram artificiais com penas de gansos tingidas. Mas existe outra versão de que o símbolo natalino surgiu na Alemanha no ano de 1530 com Martinho Lutero, que um dia durante a noite estava passeando no bosque e ficou impressionado com os pinheiros cobertos de neve. Então ele decidiu reproduzir aquela cena em sua casa, usando gravetos para representar o pinheiro e algodão para simular a neve, algumas velas acesas e enfeites para decorar. De qualquer forma, se tornou uma tradição decorar todos os anos uma árvore para representar o clima de Natal.

2-A canção natalina- que não era para o natal

A famosa canção natalina Jingle Bells foi escrita em 1857 e traduzida para vários idiomas, mas inicialmente ela não se tratava de uma canção para o Natal. Ela foi feita especialmente para o Dia de Ação de Graças da igreja, mas fez tanto sucesso que as crianças queriam ouvi-la sempre, principalmente no Natal, quando estavam reunidas. A música fez sucesso no mundo inteiro e foi a primeira música tocada no espaço em 16 de dezembro de 1965.

3-Não dá para agradar todo mundo- a importância das uvas-passas na data

As uvas-passas tem uma ligação forte com as origens do Natal, mesmo antes da data ser chamada assim. Para os romanos de classes mais elevadas, que celebravam o Sol no mês de dezembro, as uvas-passas eram símbolo de nobreza. Eles não só comiam a fruta, como presenteavam pessoas importantes e queridas com ela e até utilizavam-na de enfeite, às vezes cobrindo de ouro.

4-Não vai ter mais natal- mas teve

Em 1647 um militar e líder político inglês chamado Oliver Cromwell decretou a proibição das comemorações de Natal. Ele declarava que toda aquela festa com comidas e presentes não tinham nada a ver com o real propósito do natal que é comemorar o nascimento de Jesus. A proibição durou cerca de 14 anos, mas provavelmente muita gente comemorou o natal escondido durante este tempo.

5- Você pode ser um papai-noel

Várias crianças escrevem suas cartinhas para o Papai Noel, mas para onde vão estas cartas? Aqui no Brasil existe o Papai Noel solidário, feito pelos Correios. Qualquer pessoa que sentir vontade pode se dirigir a um ponto e presentear uma criança.

6- As cores não foram escolhidas aleatoriamente

As cores tradicionais do natal são vermelho, verde e dourado. Cada uma delas tem um significado importante para a data. O vermelho representa o sangue de Cristo, o verde significa vida e renascimento e o dourado completa as cores adicionando luz e riqueza.

7-Como começou esta história do bom velhinho que dá presentes?

Inicialmente o Papai Noel era um símbolo de educação para as crianças. Ao invés de ser um bom velhinho que levava presente para as crianças no Natal, ele era um símbolo de punição e disciplina, por conta disso surgiu a história de que quem se comportasse bem durante o ano ganharia um presente do papai noel.

8- Papai Noel na verdade é o Flash

Segundo nosso Fuso horário, o Papai Noel teria cerca de 31 horas para entregar todos os presentes do mundo. Para fazer isso ele precisaria viajar a uma velocidade de 7.700.000 quilômetros por hora.

9- Antigas tradições generosas

Antigamente na Europa, as pessoas tinham o costume de deixar suas portas abertas durante a noite de natal para que pessoas mais pobres e viajantes pudessem entrar e compartilhar a ceia de natal com os residentes.

10- Quando o natal parou a guerra

Na época de Natal as pessoas costumam ficar mais generosas, tendem a praticar atos de caridade e compaixão com o próximo e isso aconteceu até mesmo em períodos de guerra. Em 1914 durante a Primeira Guerra Mundial, uma semana antes do natal, os soldados alemães e britânicos que estavam se enfrentando trocaram saudações festivas e canções entre suas trincheiras. A tensão do combate foi reduzida ao ponto de que os soldados chegaram a entregar presentes aos seus inimigos. Para aproveitar e comemorar o feriado natalino os soldados em campo de batalha até jogaram partidas de futebol!

O que você acha?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

As pessoas podem admitir seus brinquedos de pelúcias “doentes” neste hospital para brinquedos

Mãe faz versão dela mesma de papelão em tamanho real para que o filho pare de chorar na hora de dormir