Followers

10 Castelos malditos e suas histórias

31 jan, 2020
1788 Views

Neste mundo, há muitos lugares que são considerados sobrenaturais. Os relatos que envolvem estas coisas que não compreendemos são muito antigos, e as histórias passam de geração em geração. Casas, estradas e até mesmo castelos são ditos como malditos pela história.

Conheça 10 castelos, em sua maioria construídos durante a Idade Média e Moderna, que carregam a fama de serem mal assombrados.

10. Warwick (Inglaterra)

Logo que a construção deste castelo começou, em 1068, quatro casas foram demolidas para providenciar espaço. Posteriormente, foi o centro de muitas batalha durante a invasão normanda na Inglaterra. Um dos donos do castelo, sir Fulke Greville, foi assassinado em 1628 por seu empregado.

A lenda envolta do local diz que sir Fulke se materializa do seu retrato em noites frias. Outros relatos dizem que um grande cachorro de olhos vermelhos ronda o local.

9. Himeji (Japão)

Construído por volta de 1345, a maldição deste castelo só iniciou-se segundo a lenda no século XVII. Uma serva chamada Okiku se apaixonou por um nobre, e descobriu que existia uma conspiração para assassiná-lo. Para proteger seu amado, ela revelou os planos, e o homem que havia planejado tudo, para se vingar da garota, acusou-a de ter roubado um dos pratos do seu senhor. Ela foi torturada até a morte, e seu corpo foi jogado no poço do castelo, que ainda hoje leva seu nome.

Depois disso, dizem que uma criatura feminina assombra o antigo Castelo de Himeji e controla uma multidão de espíritos em forma de animais que agem como seus mensageiros e detesta interagir com as pessoas. A lenda diz que ela passa a maior parte do tempo escondida e vivendo em áreas secretas, no entanto, sai do seu esconderijo uma vez por ano para prever a sorte do senhor atual do castelo.

8. Brissac (França)

Este castelo foi construído no século XI com mais de sete andares e 200 salas. Mas a maldição também demorou um pouquinho para iniciar. No século XXV o local foi reformado pelo ministro Pierre de Breze. Seu filho herdou o castelo e mudou-se para lá com sua esposa Charlotte, que posteriormente foi pega na cama com um caçador. Tomado em fúria, ele matou os dois com cem golpes de espada. Dizem que os gemidos da Dama de Verde são ouvidos pelos corredores até os dias atuais…

Com mais de sete andares e 200 salas, remonta ao século 11, quando era residência dos condes de Anjou. No século 15, o castelo foi renovado pelo ministro Pierre de Breze. Seu filho o herdou e mudou-se para lá com a esposa, Charlotte, que um dia foi pega na cama com um caçador. O marido fez picadinho de ambos, com cem golpes de espada. Dizem que os  gemidos da Dama de Verde seriam ouvidos pelos corredores até hoje, e que ela é vista em vários locais com seu rosto assustador: com buracos nos olhos e no nariz.

7. Bardi (Itália)

Este castelo italiano foi construído no século IX para conter as invasões húngaras. Mas o local ficou conhecido por se tornar um cenário de uma história trágica de amor e desespero digna de Shakespeare. A filha de um Lord se apaixonou por um capitão e após uma batalha particularmente sangrenta, ela escutou rumores de que seu amor morreu.

Atormentada pela dor, ela se jogou do alto das muralhas para a morte. Em uma triste reviravolta, os rumores provaram ser falsos e ao ver o corpo da noiva, o capitão se matou. Segundo a lenda a moça mal-assombrada até hoje vagueia pelos castelos em busca de seu verdadeiro amor.

6. Edimburgo (Escócia)

O Castelo de Edimburgo, é considerado o local mais assustador e mal-assombrado da Escócia, já que foi cenário de diversas mortes cruéis. Construído no século XII, o local serviu como fortaleza militar e residência real. Foi um dos lugares mais atacados militarmente na história e consequentemente ficou cercada inúmeras vezes. Além das mortes relacionadas às batalhas e à Peste Negra, dizem que o fantasma do duque Alexander da Albânia, aprisionado nos calabouços, vaga por lá. Lady Glamis, acusada de bruxaria em 1537 e queimada viva, supostamente ainda ronda os quartos.

Uma só viagem pelos túneis subterrâneos deste castelo podem causar calafrios até mesmo nos mais descrentes. Dizem que quando foram descobertos, centenas de anos atrás, um gaiteiro foi enviado para explorá-los, mas desapareceu…

5. Dragsholm (Dinamarca)

Construído no século XIII, o castelo fica localizado em uma ilhota na Dinamarca. O local foi usado como uma fortificação de batalha e também como uma prisão. Dizem que o Castelo de Dragsholm é assombrado por 100 fantasmas, e alguns consideram que ele seja o castelo mais assombrado do mundo. Pessoas relatam que o seu criador é avistado de carruagem e tudo durante a noite. Outro morador é o Lorde de Bothwell, um nobre escocês que tentou fugir da perseguição em seu país só para ser aprisionado em condições terríveis na Dinamarca.

Mas a história mais triste é de longe o caso da Dama Branca. Ela era uma garotinha filha dos donos do castelo, e foi cimentada viva como punição por ter se apaixonado por um plebeu. Em 1930 durante uma reforma no local, encontraram um esqueleto. Segundo os relatos, o vestido era igual ao de uma menina que diziam ser avistada durante a noite nos corredores.

4. Corvin (Transilvânia, Romênia)

O Castelo de Corvin, também conhecido como Castelo Hunyadi começou a ser construído em 1446 e levou quase 40 anos para ser construído. Localizado em uma rocha nos arredores da cidade de Hunedoara, quando finalizado, ele foi considerado um dos maiores castelos da Europa Oriental.

Existem duas histórias que chamam a atenção para este Castelo maldito. O idealizador e dono do castelo Hunyadi János abrigou o cruel Vlad Dracula por sete anos, como prisioneiro político – até ele e Hunyadi decidirem se aliar.

E se não bastasse aprisionar um dos homens mais cruéis que temos relatos, existe uma lenda a respeito do poço de 30 metros que servia ao castelo.

Prisioneiros turcos trabalharam durante 15 anos para cavar o poço, com promessa de Hunyadi de que quando acabassem seriam libertados. Porém durante este prazo ele faleceu, e sua esposa não honrou sua promessa, sentenciando os prisioneiros à morte. Como um último pedido, permitiram que eles escrevessem algo no poço. A inscrição está em árabe, e as pessoas diziam que significava “Tens água, mas não tens coração”, mas o especialista traduziu como: “Quem escreveu isto foi Hassan, escravo”.

O Castelo é um dos mais visitados da Europa, e um dos que mais tem registros de fotos com borrões fantasmagóricos. Dizem também que por lá existe um caso raro de fantasmas que cometem agressões físicas. Os guias comentam de uma expedição em que turistas ficaram lá durante a noite e foram encontrados com hematomas estranhos no dia seguinte.

3. Chillingham (Inglaterra)

Construído há mais de 800 anos, o castelo de Chillingham é um dos destinos mais assustadores da Inglaterra, isso porque ele foi cenário de torturas inimagináveis e muitas mortes. Os prisioneiros nos calabouços chegavam a cometer canibalismo com a intenção de prolongar suas vidas, e tinham suas pernas covardemente quebradas antes de serem jogados 6 metros abaixo em um buraco conhecido como o Oubliette.

Como você pode imaginar, dizem que várias almas perambulam pelo castelo. Um dos mais conhecidos, é um fantasma de um garotinho que ficou conhecido como menino azul. Ele é visto regularmente na sala rosa, como um flash de luz azul e também acima das camas dos hóspedes em formato de um halo azul seguido de um grito. Além do menino azul, outra personalidade bem conhecida assombra os corredores úmidos do lugar, John Sage. Ele foi um torturador responsável por matar 50 prisioneiros por semana durante suas atividades. Dizem que ele pode ser ouvido arrastando corpos aqui e ali…

2. Moosham (Áustria)

Construído pelos regentes de Salzburgo no século XIII, o local passou para a igreja católica em menos de um século depois. Depois disso, ele acabou ganhando o nome de Castelo das Bruxas.

Centenas de bruxas foram queimadas vivas, enforcadas ou tiveram suas cabeças decapitadas dentro das paredes do castelo austríaco, e muitos dizem que os espíritos daquelas injustamente acusadas nunca saíram dali e que assombram o local.

Outra coisa bizarra que aconteceu no local por volta de 1800, foi que moradores da região registraram casos de mutilação de animais nas imediações do edifício.

1.Houska (República Tcheca)

Este castelo não foi construído como fortificação, ou como moradia. Erguido no século XIII sob as ordens do regente da Boêmia Ottokar II, o objetivo real era preencher uma falha geológica profunda – um buraco que diziam não ter fundo.

Relatos diziam que deste “portal para o inferno” saiam criaturas malignas e tudo isso precisava ser contido. Feito por prisioneiros, provavelmente muitas mortes aconteceram durante a construção, mas estes não foram os últimos mortos ali.

Durante a década de 1930, nazistas tomaram o castelo para fazer experimentos de ocultismo com portais dimensionais. Como vocês sabem, Hitler era fascinado com o oculto, mas não se sabe o que os cientistas nazistas aprenderam com o castelo. Anos mais tarde, durante uma reforma, encontraram vários esqueletos de oficiais nazistas, e pelas posições eles foram provavelmente executados.

As pessoas dizem que os fantasmas deste castelo têm diversas formas tanto humanas quanto animais, incluindo sapos, gigantes e um cavalo negro sem cabeça.

Você conhece algum castelo mal-assombrado que deveria estar aqui? Conta pra gente!

Via: Aventuras na História

 

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade. Você será banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.