no

Bolo de carne do inferno – Receita do leitor [3]

Quando eu estava perdendo minha fé na humanidade, fui surpreendido. Depois de ter um problema grave com a caixa de emails e perder todas as fotos, achei que nunca mais ia receber um bolo de carne do inferno.

Mas o leitor Andreluiz Cunha me provou que se você realmente acredita em algo, acontece. E aconteceu, veja o email dele com as dicas:

A maior dificuldade foi cortar as tiras de bacon.
Faca afiada é a dica.

Comprei uma manta de bacon (A Sadia é a melhor, jabá à parte) com uma porção boa de carne. (Aquelas com uma tirinha de carne e o resto de gordura não ficam muito apresentáveis).

Arranquei toda a pele de uma vez e piquei tudo fininho para cozinhar com feijão (panela de pressão) – Já que é pra usar o bacon todo…

Temperei o lombo só com sal grosso.

Como o trançado bonito fica pra baixo eu deixo a gordura da parte superior do lombo pra baixo na hora de montar. Pois vira-se tudo de uma vez para não desmanchar durante o transporte. Ao virar a gordura do lombo fica para cima, ela penetra na carne durante o cozimento.

3 horas de forno (médio) e pronto.

Confira o passo a passo da produção desse charuto demoníaco e, se quiser arriscar, pode mandar o seu que o OVDI está aberto para novos adoradores de bacon.

Quer ver o que esses dois ingredientes podem fazer? Só continuar lendo…

O Andreluiz usou até luvas, esse é profissional!

Coisa linda de se ver! Acompanha cerveja e marca-passo.

Veja também Bolo de carne do inferno – Receita do leitor [2]

O que você acha?

Written by Lucas Thomé

Comentários

Deixe uma Resposta

Um Ping

  1. Pingback:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Releitura de etiquetas do governo

Acabando com o cubículo ao lado